Balconista com ou sem experiência + Currículo

0

O balconista é o profissional que atua em uma categoria especifica de atendente a partir de um balcão, auxiliando clientes.

Apesar das diferenças entre os múltiplos setores que ele pode trabalhar, de maneira geral, atua operando o caixa, responsabilizando-se pelo seu fechamento, mantendo a organização e realizando vendas.

Além disso, a profissão exige manter sempre higienizado o ambiente de trabalho, dando também o devido atendimento e orientação aos clientes do estabelecimento.

Balconistas exercem uma função essencial para as empresas, e pelo mesmo motivo elas possuem uma grande demanda com oportunidades de empregos no mercado de trabalho.

O que faz um balconista?

Os balconistas são responsáveis por atender os clientes da empresa tanto presencialmente quanto remotamente, via telefone, e-mail e outros meios de contato.

Dependendo das diretrizes de trabalho, são encarregados de sanar as dúvidas dos clientes quanto aos serviços e produtos do estabelecimento. E também necessidades que surgem no cotidiano profissional.

Da mesma forma, os profissionais que atuam na função de balconista, se encarregam de realizar vendas, receber pagamentos, conferir produtos, higienizar e organizar os balcões do ambiente de trabalho, além das funções análogas de cada ambiente de trabalho.

No caso dos balconistas de farmácias, haverão diversas funções extras a serem atribuídas ao profissional, incluindo até mesmo a aplicação de vacinas autorizadas.

Função de balconista

Como já mencionado, os balconistas se encarregam de operar o caixa, realizando o seu fechamento, registro de notas fiscais, atendimento aos clientes, e demais atividades respectivas ao segmento de balconista em que for atuar.

Deve-se levar em conta a variedade de ambientes de trabalho em que os profissionais desse setor podem ocupar.

De modo geral, eles trabalham como assalariados e com carteira assinada.

Porém, em outras circunstancias podem trabalhar como autônomos.

Quanto ao ambiente de trabalho, costumam atuar em ambientes fechados, salvo algumas exceções.

Em suma, trabalham individualmente, embora estajam sujeitos a supervisão parcial ou permanente.

Áreas de atuação

Embora a maioria dos balconistas atuem em lojas e mercados, o ramo é bem abrangente, podendo atuar em diferentes tipos de empresas ou comércios.

Alguns exemplos dessas áreas são: farmácia, padaria, lanchonete, açougue, restaurante, posto de gasolina, entre muitos outros.

– Balconista de farmácia

Os balconistas de farmácias exercem o importante papel de se responsabilizar pela venda de remédios, orientar sobre dinâmicas relacionadas ao uso dos medicamentos, e ajudar os clientes a encontrar itens que desejam.

Evidenciamos que algumas vezes os balconistas contarão com o auxílio de um farmacêutico em casos de maior necessidade.

Isso devido ao fato de algumas informações exigirem uma formação especifica de profissionais da área de saúde.

Naturalmente, a profissão requer um atendimento prestativo, acompanhado de simpatia e um amplo conhecimento sobre medicamentos para que se garanta a segurança todos.

Por conta dos conhecimentos exigidos, é de grande importância que o balconista de farmácia busque se atualizar sobre lançamentos e mudanças no ramo farmacêutico.

– Balconista de padaria

Aqueles que trabalharem nas padarias também devem atuar com prestabilidade ao atender seus clientes, sem deixar de lado a simpatia e agilidade.

Os cuidados com higiene são de tremenda importância nesse setor, ainda mais no contesto atual de pandemia.

Os balconistas de padaria também se responsabilizam pela coleta de pedidos, atendimento de telefone, efetua vendas internas, organiza e armazena mercadorias, entre outras funções.

– Balconista de lanchonete

O perfil exigido aos balconistas de lanchonetes é bem semelhante aos de balconistas de padaria.

Além de atender seus clientes com cortesia e profissionalismo, é importante que possua um conhecimento considerável em relação ao cardápio da lanchonete, para que possa suprir eventuais dúvidas dos clientes.

É indispensável que o profissional possua um conhecimento básico de informática, para que possam atuar com mais organização no processamento de dados de vendas e registrá-las no sistema da empresa.

– Balconista de frios

Os balconistas de frios ajudam a transportar produtos de câmaras e depósitos de frigoríficos para a área direcionada às vendas.

São responsáveis também por realizarem a seleção de produtos, fiscalizar as validades, prazos e certificar a qualidade do alimento.

O profissional deve manter-se atento e cuidar do abastecimento e reposição dos produtos da seção.

Outra função importante é providenciar o preparo desses produtos para a venda: picar, moer, amaciar ou fatiar os frios e pesá-los.

Formação

Para ingressar no cargo de balconista é necessário ter ao menos o ensino médio concluído.

Apesar disso, é importante que se tenha alguma graduação de curso profissionalizante para que o seu currículo se torne ainda mais atrativo aos empregadores.

Outro ponto que traz um diferencial na contratação são os conhecimentos de informática, levando-se em conta que muitas empresas utilizam sistemas digitais para verificar os produtos vendidos e atualizar o estoque.

Apesar de não se exigir formações avançadas, todo diferencial adicional no currículo poderá agregar pontos positivos.

Dependendo da área que o balconista for trabalhar, é interessante dominar o idioma inglês, pois possibilitará encontrar vagas em empresas com maiores remunerações.

E quanto aos cursos de profissionalização, os mais recomendados para esse setor são os cursos de: Informática, gestão de estoque, administração, balconista de farmácia e atendimento ao cliente.

Vagas de balconista

Hoje a forma mais prática de buscar vagas na área profissional de balconistas é através de sites especializados em contratações.

Uma das opções de busca para encontrar vagas em sua cidade é pelo próprio navegador do google, que endereçará as vagas mais próximas da sua residência.

Uma outra alternativa de se conseguir mais oportunidades de trabalho é participando de grupos de vagas de empregos no facebook. Do mesmo modo muitas empresas postam o perfil de trabalhador que precisam na empresa, inclusive os cargos de balconistas são constantemente os mais solicitados.

CBO

O CBO dos balconistas possuí o código 5211-40, e descreve o cargo oficialmente da seguinte maneira:

” São profissionais que realizam a venda de mercadorias em comércios atacadistas ou varejistas, auxiliam os clientes quanto as escolhas e duvidas, realizando também a saída e entrada de mercadorias, ajudam a expor as mercadorias de forma chamativa utilizando técnicas comerciais, se responsabilizam pela troca de mercadorias, inventário de reposição, relação de preços e no caso especifico de balconistas de farmácias podem aplicar até mesmo as injeções e outros serviços autorizados.”

Quanto a formação exigida para exercer o cargo, o CBO exige o ensino médio completo para balconistas de farmácias, já para os frentistas exigem apenas o ensino fundamental até a quarta série.

Nas outras áreas, a maioria requer o ensino fundamental, embora seja recomendado possuir o ensino médio.

No entanto é recomendado que se possua cursos profissionalizantes ou experiência de trabalho no setor almejado ou então em setores análogos.

Salário de balconista / Piso Salarial

A média salarial de um balconista é de R$ 1323 mensais, com uma jornada de trabalho de 44 horas semanais conforme as pesquisas realizadas pelos sites: sálario.com.br, eSocial, Novo Caged e Empregador Web.

A base de cálculo usada para encontrar essa média salarial utilizou como parâmetro o salário de 367.000 balconistas para chegar ao resultado médio.

Quanto ao piso salarial, os balconistas possuem a base de R$ 1207, embora a maioria já comece ganhando 1269. E referente ao teto salarial da profissão, este é de R$ 2105.

Embora dependendo do setor aconteça variações consideráveis de salários, na maioria das vezes os balconistas de farmácias tendem a receber um valor inicial um pouco superior a maioria dos setores. Mas por outro lado tende a ser uma vaga mais exigente quanto aos requisitos que o candidato deve preencher.

Entre os perfis deste mercado de trabalho, o mais buscado é o de mulheres entre 20 e 30 anos, que estejam dispostas a trabalhar 44 horas semanais no segmento de varejistas de mercadorias no sentido amplo, principalmente em supermercados.

O que colocar no currículo de balconista de farmácia?

O currículo de balconista de farmácia deve ser preenchido com dados referentes ao nível de escolaridade, exigindo no mínimo o ensino fundamental completo.

É essencial ser complementado com as experiências de trabalho anteriores, certificações e habilidades técnicas, podendo ser incluídas também as susa competências sociais e traços de personalidade que são cotadas para esse mercado de trabalho.

Falando nos cursos profissionalizantes colocados no currículo, o que trará maior vantagem é o curso profissionalizante de balconistas de farmácia, afinal por conta de sua especificidade em relação a vaga almejada, garante ênfase dos seus conhecimentos.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.